Meu Recanto de Versos e Prosas...

Um Lugar Calmo e Aprazível Onde Você se Diverte, Reencontra e/ou Revive Suas Mais Infinitas Emoções!

Textos

MEU PINGO DE GENTE!


Oh! Linda criança peralta
Que ora corre e até salta
P’ra se esquivar do perigo
Eu entendo o seu proceder
Só  não  consigo  entender
Por que  faz  isso  comigo

Não quero que me obedeça
E nem “fazer” sua cabeça
Eu quero apenas lhe falar
Não é preciso fugir assim
Confie um pouco em mim
Eu prometo não tagarelar

Traquinice tem a sua hora
Jogue essa sua birra fora
Você é muito inteligente...
Estarei aqui à sua espera
Nessa e noutras primaveras
Não fuja, meu pingo de gente!




Germano Correia da Silva
Enviado por Germano Correia da Silva em 15/04/2007
Alterado em 16/03/2008


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras